6 de ago de 2009

oportunidades urbanas

Os irmãos Otavio e Gustavo Pandolfo, que autodenominam Os Gêmeos, acabam de executar o seu primeiro grafiti em Nova York, que permanecerá na esquina das ruas Houston e Bowery, até março.
As oportunidades de intervenções que as cidades oferecem, vão da arte à arquitetura, passando pelo extenso campo comum a ambas. Os problemas de autenticidade nos dois campos são semelhantes: todos os que constroem se julgam arquitetos, qualquer coisa aplicada a um muro urbano é chamada de grafiti e tudo que é exposto num museu ou numa galeria é chamado de arte.

A critica Roberta Smith falou assim sobre o trabalho dos paulistas, no New York Times:
" (Eles) levaram a arte do graffiti à sua fase rococó. O que quer dizer que o seu mural fantástico e épico, executado num muro de concreto com 5,20 x 15,50 , é leve e frívolo, um sonho de felicidade sublinhado com um tom de melancolia. E tudo nele é exoticamente bem sintonizado e detalhado, um deslumbramento de técnica fácil, que sustenta longos surtos de olhares próximos."

Incluir o lúdico no cotidiano é uma tarefa de inestimável valor.










































a reportagem e as imagens são do New York Times

2 comentários:

Fernando disse...

FANTÁSTICO ......

sergio disse...

É sim... tb achei interessante o fato da obra ter prazo de validade, mas ao mesmo tempo ser valorizada e respeitada.