7 de set de 2009

möbius

Bem lembrado pelo Ton, um dos bons arquitetos de Pará de Minas: a superfície contínua da Biblioteca de Astana, deriva das perquisas do matemático August Ferdinand Möbius.


Um comentário:

Architekte disse...

Saudações Mestre...

Passando por aqui e vendo o resalvo do Ton sobre a superfície contínua derivada das perquisas do matemático Möbius, foi um dos conceitos adotado pelo BIG na Biblioteca Nacional do Cazaquistão e no pavilhão da Dinamarca para Expo Shangai 2010.
No link seguinte pode-se vivenciar de certa forma como "a superfície contínua" é explorada dando ao projeto dinâmica: http://www.youtube.com/watch?v=Ev9ZbPULhOY

Uma forma simples de testar esse resultado obtido por Möbius é pegando uma tira de papel...notará 2 superfícies, depois unindo as pontas, verá que ainda terá 2 superfícies distintas, no passo seguinte, dê um giro com a tira de papel no próprio eixo ( segure uma ponta enquanto gira a outra) ai verá que aparentemente tem 2 superfícies...para tirar a prova percorra a superfície com a ponta do dedo e note que tens uma superfície contínua...rs
É muito interessante